4.16.2009

Numa esquina ou numa mesa de bar...



Tem dia que a gente acorda e acha que é só mais um dia. Um dia normal, com todos os ingredientes pra ser apenas mais um como outro qualquer. Você ouve o despertador tocando beeeem longeeeee e sem ao menos abrir os olhos é capaz de adiar o alarme pra dormir “só mais 5 minutinhos”. Acorda 20 minutos depois com a cara inchada e muito atrasado. Levanta tateando a parede do quarto em busca da porta do banheiro. Senta no vaso por mais 2 minutos apoiando os cotovelos no joelho e daí boceja. Entra no box e aí sim, começa a acordar com uma ducha quente bem na lata. A TV tá ligada enquanto você se arruma (no meu caso na Ana Maria Braga), mas é só pra fazer barulho mesmo. Dá uma borrifada de perfume, pega as chaves de casa e do carro e se manda pro trabalho.

No caminho, não sei vocês, mas eu vou ligado na Transamérica, ouvindo o 2 em 1 pra rir um pouco antes de pegar no trampo. O problema é que uma sensação estranha tá no ar desde cedo. Não dá pra saber o que é, nem se é bom ou ruim, apenas que está lá. O trabalho segue como sempre, e você se esforça ao máximo pra fazer tudo certinho, mas alguma coisa insiste em ficar martelando na cabeça. Aí, num momento de relativo relaxamento mental no meio de toda a correria, de bobeira, um pensamento vem à mente. Você não sabe de onde, nem porque, mas uma pessoa, um nome, um rosto vem na sua cabeça. Como se alguma força estranha (me perdoe Roberto Carlos pelo uso indevido das palavras) te impelisse a pensar isso, a lembrar de alguém.

Aí é que a gente não entende mais nada. Você tá na frente do computador e digita: www.orkut.com.br, daí tcham! Todas as respostas que você queria, estão ali na sua frente. Aquela pessoa que você, de forma despretensiosa, havia mandado um scrap, respondeu! E num foi uma resposta qualquer. Ela simplesmente aceitou o seu convite pra sair e tomar um chopp. Olha que coisa! O universo conspira sim. E a favor!

A prova, você tem mais tarde. Ela liga e combina tudo com você. Então você vai buscá-la em casa. Ela vem linda, perfeita. Um perfume delicioso. A conversa flui durante todo o caminho e durante o resto da noite. Vários assuntos. Muitas coisas em comum. Inacreditável. Risos. Histórias. Planos. Atenção a detalhes. A lua brinda a noite e dá o ar da graça. Friozinho bom. “Como a gente não se conheceu antes?”, se perguntam silenciosamente.

O que vem depois? Quem sabe? E também, o que isso importa? Tem uma frase de uma música intitulada “Eso”, do Alejandro Sanz que eu gosto muito de lembrar, e diz assim: “pero es que hay gente que no consigues olvidar jamás no importa el tiempo que eso dure”. E de fato, tem gente que entra na nossa vida de forma tão inusitada, inesperada e acaba nos proporcionando momentos tão significativos, que não importa o tempo que isto dure, vamos sempre nos lembrar. E é assim que funciona. Deixar a vida mostrar como as coisas devem ser. E ir adiante. Capturar em detalhes e ao máximo, cada momento. Numa esquina, ou numa mesa de bar.

6 comentários:

  1. Esses são os melhores encontros, ainda mais quando nos proporciona coisas boas. Adoro te ver feliz, as palavras ficam mais suaves e como sempre perfeito. Boa Sorte.

    ResponderExcluir
  2. ...e além de tudo aquilo q eu já disse vc ainda escreve...e maravilhosamente bem.
    Obrigada por todos os detalhados elogios, vc realmente sabe como agradar uma mulher rsrs e ao ler o ultimo parágrafo, eu pensei as mesmas coisas, e já q vc citou Alejandro Sanz,quero dizer uma de Cecília Meireles “Há pessoas que nos falam e nem as escutamos;
    Há pessoas que nos ferem e nem cicatrizes deixam.
    Mas há pessoas que, simplesmente, aparecem em nossa vida...
    E que marcam para sempre..." enfim, esse sentimento é tão antigo quanto o mundo,e ele surge como um sinal pra que as almas estejam conscientes do reencontro. Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo9:47 AM

    Agora sim os textos voltaram a ser sua cara.
    A.M.E.I!!!

    OBS.: agora tenho certeza que os posts serão mais frequentes. rsrsrs

    bjus.

    ResponderExcluir
  4. Darley Pinheiro10:56 AM

    Só pra registrar presença.

    Beijos e bom findi.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo9:23 PM

    Vc é todo gostoso, além de tudo poeta o que mas falta eu saber?
    Te quero.

    ResponderExcluir
  6. Como assimmm?!?!Nem me avisou que tinha post novo?!?Adorei como sempre, e posso confessar? Tô passando por algo parecidíssimo! O orkut tem vezes que ajuda ...e muito! Boa sorteee! =) Beijos!

    ResponderExcluir